Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘ZenTest’

Mesmo os testes automatizados rodando perfeitamente com as nofitificações libnotify do gnome eu ainda não fiquei sossegado, afinal aquela mensagem ali na parte de baixo da tela (me lembrando os tempos de windows) não estava muito ao meu agrado, além de que segundos após a mensagem some e não há outro modo a não ser ir até o console para verificar o que havia acontecido (não que seja algo ruim, pois eu particularmente prefiro trabalhar sempre com a janela do editor não cobrindo a tela toda e ter o final da saida da linha de comando de um shell sempre visível). Pesquisando um pouquinho mais sobre o assunto dos testes automatizados e notificações encontrei este post, falando sobre o ruby-libnotify. Hum, vejamos, no post original o autor sugere que instalemos os seguintes componentes via apt-get:

ruby-gnome2 build-essential ruby1.8-dev libnotify-dev.

O detalhe é apenas que a biblioteca ruby-gnome2 (ao menos no Ubuntu) instala toda a parafernalha do Ruby/GTK, coisa que aparentemente não precisamos, uma vez que vamos dar um simples require 'gtk2' em nosso arquivo de configurações. Lendo os comentários do post havia um que dizia que o arquivo gtk2.rb pertencia à biblioteca libgtk2-ruby1.8 (que é instalada juntamente com o restante da parafernalha por ser um requisito da ruby-gnome2). Note que a instalação da libgtk2-ruby1.8 também vai instalar bastante dependências, mas acredito que sejam aproximadamente a metade dos pacotes.

Vamos a instalação e configuração:

primeiro, abra um terminal e vamos aos comandos.

$ sudo apt-get install libgtk2-ruby1.8 build-essential ruby1.8-dev libnotify-dev

ele vai instalar todas as dependências, mas são todos pacotes pequenos
Agora você vai precisar do pacote ruby-libnotify, baixar e instalar com os comandos:

$ wget -c http://rubyforge.org/frs/download.php/27134/ruby-libnotify-0.3.3.tar.bz2
$ tar -jxvf ruby-libnotify-0.3.3.tar.bz2
$ cd ruby-libnotify-0.3.3
$ ruby extconf.rb && make && sudo make install

Isso roda a configuração, compila e instala a extensão.

agora você precisa de uma versão modificada do arquivo .autotest do post anterior: (baixe aqui se tiver problemas com as aspas)

 

#!/usr/bin/env ruby
#
# Copyright (c) 2007 Thomas Weibel,

#
# This program is free software; you can redistribute it and/or modify it
# under the terms of the GNU General Public License as published by the
# Free Software Foundation; either version 2 of the License, or (at your
# option) any later version.

require 'rnotify'
require 'gtk2'

module Autotest::RNotify
  class Notification
    attr_accessor :verbose, :image_root, :tray_icon, :notification,
    :image_pass, :image_pending, :image_fail

    def initialize(timeout = 5000,
                   image_root = "#{ENV['HOME']}/.autotest_images" ,
                   verbose = false)
      self.verbose = verbose
      self.image_root = image_root

      puts 'Autotest Hook: loading Notify' if verbose
      Notify.init('Autotest') || raise('Failed to initialize Notify')

      puts 'Autotest Hook: initializing tray icon' if verbose
      self.tray_icon = Gtk::StatusIcon.new
      tray_icon.icon_name = 'face-monkey'
      tray_icon.tooltip = 'RSpec Autotest'

      puts 'Autotest Hook: Creating Notifier' if verbose
      self.notification = Notify::Notification.new('X', nil, nil, tray_icon)
      notification.timeout = timeout

      Thread.new { Gtk.main }
      sleep 1
      tray_icon.embedded? || raise('Failed to set up tray icon')
    end

    def notify(icon, tray, title, message)
      notification.update(title, message, nil)
      notification.pixbuf_icon = icon
      tray_icon.tooltip = "Last Result: #{message}"
      tray_icon.icon_name = tray
      notification.show
    end

    def passed(title, message)

      self.image_pass ||= Gdk::Pixbuf.new("#{image_root}/pass.png", 48,48)
      notify(image_pass, 'face-smile', title, message)
    end

    def pending(title, message)
      self.image_pending ||= Gdk::Pixbuf.new("#{image_root}/pending.png",48,48)
      notify(image_pending, 'face-surprise', title, message)
    end

    def failed(title, message)
      self.image_fail ||= Gdk::Pixbuf.new("#{image_root}/fail.png", 48,48)
      notify(image_fail, 'face-sad', title, message)
    end

    def quit
      puts 'Autotest Hook: Shutting Down...' if verbose
      #Notify.uninit
      Gtk.main_quit
    end
  end

  Autotest.add_hook :initialize do |at|
    @notify = Notification.new
  end

  Autotest.add_hook :ran_command do |at|
    results = at.results.last

    unless results.nil?
      # Test::Unit
      if results.include? 'tests'
        output =
          results[/(\d+)\s+tests?,\s*(\d+)\s+assertions?,\s*(\d+)\s+failures?(,\s*(\d+)\s+errors)?/]
        if output
          failures = $~[3].to_i + $~[5].to_i
        end
      # RSpec
      else
        output =
          results[/(\d+)\s+examples?,\s*(\d+)\s+failures?(,\s*(\d+)\s+pending)?/]
        if output
          failures = $~[2].to_i
          pending = $~[4].to_i
        end
      end

      if failures > 0
        @notify.failed("Tests Failed", output)
      elsif pending > 0
        @notify.pending("Tests Pending", output)
      else
        unless at.tainted
          @notify.passed("All Tests Passed", output)
        else
          @notify.passed("Tests Passed", output)
        end
      end
    end
  end

  Autotest.add_hook :quit do |at|
    @notify.quit
  end
end

opcionalmente você pode baixar diretamente do post do autor, um arquivo zip contendo o .autotest e as imagens
não esqueça que o arquivo deve ficar dentro de sua pasta HOME

autotest imagesautotest imagesautotest images

as Imagens utilizadas foram baixadas daqui. para utilizar com o script acima, baixe as imagens e descompacte dentro de um diretório chamado .autotest_images dentro de sua pasta HOME

Read Full Post »

Bem, em um post anterior falei sobre minha jornada até encontrar a solução para as notificações de testes. pois bem, modifica lá, modifica aqui, modifica ali, e acabei com a seguinte versão do meu arquivo ~/.autotest.

outro dia já havia visto algumas alterações feitas pelo Carlos na versao dele do .autotest, mas acabei não mexendo no meu pois, o meu era voltado para o Test::Unit e o dele para o rSpec

Pois bem, hoje ele publicou uma nova versão compatível também com o Test::Unit, então resolvi simplesmente compatibilizar com as duas plataformas. O resultado você pode acompanhar aqui :~/.autotest

Eu particularmente uso o Ubuntu, portanto não testei em outros linux, mas a chance de funcionar é grande uma vez que depende apenas das bibliotecas tratadas no post anterior.

Quem sabe isto não vire um mini-projeto de fácil instalação e multiplataforma [Apenas copie o arquivo para seu diretório Home]

Só falta alguém fazer funcionar no Windows, o que não me parece difícil, visto que existe um pacote chamado snarl que pode resolver este problema. Prometo que assim que eu tiver um tempo e acesso a um Windows (ninguém me força a botar o CD de restore do meu Acer no drive) tentarei fazer por mim mesmo esta compatibilidade para a comunidade.


Well, in the last post I wrote about my journey until find a solution to test notifications with Rails.  That’s right, a change here, a change there, and I finally got my working version of ~/.autotest.

 

Some days ago I already seen some modifications made by Carlos in his version of .autotest, but, I don’t made any change in my version because the mine was written for Test::Unit and his for rSpecToday he published a new version compatible also with Test::Unit, so I decide to simply compatibilize it with both platforms. The result you can see here:~/.autotest

I use Ubuntu, so I have not tested in another distros, but the chance that all will work is very large, since the dependencies are just libraries listed in my last post.

Who knows it can became a mini-project with easy instalation and multiplatform [Just copy the file to your Home directory]

We will wait some people get it working in Windows, it not seems to be difficult, because exists a package named snarl that can help to solve this problem. I promise that when I get time and have access to a Windows machine (nobody will force-me to put the Acer system restore CD in my CD-ROM drive) I willl try to get it working by myself for the community.

Read Full Post »